(19)

(19)

Papéis Descartáveis

Gostou? compartilhe!

Papéis descartáveis vão além do objetivo de enxugar as mãos após a higienização com água e sabão, os papéis descartáveis entram em cena em todas as situações que requerem cuidados especiais devido manipulações, controle de contaminações, qualidade ou economia, são itens chave para cada problemática dentro desses temas. Com opções que vão de papéis em formato interfoliado, rolo ou mecha, seja qual for a preferência, deve-se ter atenção com a qualidade do papel.

Para a garantia de qualidade do papel utilizado, a recomendação é para o uso dos constituídos por 100% celulose virgem, que, apresentam um alto poder de absorção proporcionando a diminuição do consumo, o que garante economia com alta qualidade, já que também proporciona maior segurança e saúde, pois é menos vulnerável a contaminações pelo processo fabril.

Um outro ponto de atenção é a busca por conhecer a capacidade de resistência ao úmido que o papel consegue suportar

Esta classificação indica qual o nível resistência contra umidade o papel apresenta, ou seja, se ele se esfarela ou se desfaz em contato com a água. Para todos os níveis de exigências, seja com apelo por qualidade, ou para preços mais econômicos, em cada situação existe uma opção adequada de papel descartável para empresa.

Para situações que exigem o apelo pela qualidade superior, por exemplo, um papel higiênico extremamente macio e resistente, a indicação são os papéis interfoliados para disponibilização em sistema de dispenser cai-cai. Já em situações onde é necessário a qualidade, mas, com economia no custo e no consumo, a recomendação é o uso dos papéis higiênicos padrão rolão.

Para os papéis toalha, com maior qualidade percebida, recomenda-se os interfoliados folha dupla ou tripla, para opção com qualidade e economia a recomendação são os papéis toalha em rolo para sistema auto corte.